ALTERAÇÕES NOS REGULAMENTOS DE EVENTOS, RANKING E ANTIDOPING

25/08/2014 00:00

ALTERAÇÕES NOS REGULAMENTOS DE EVENTOS, RANKING E ANTIDOPING

 

ANTIDOPING

·         Os resultados do exame antidoping passam a ser de domínio público a partir da data de divulgação do resultado pelo laboratório;

·         Em caso de exame positivo e consequente perda do título de um animal, todos os outros animais presentes na categoria serão reclassificados, mantendo a ordem, sem ajuste das notas. Essa reclassificação acontecerá também no Grande Campeonato. Todos os animais sobem em bloco;

·         Os animais reclassificados serão premiados na próxima Nacional – Campeões, Reservados Campeões e 1os prêmios;

·         O resultado do antidoping será amplamente divulgado pelos veículos de comunicação da ABCCMM;

·         A divulgação dos resultados será automaticamente após a informação dos mesmos pelo laboratório;

·         Os expositores envolvidos, os quais acatarem o resultado do exame sem recurso através de manifestação formal terão as penalidades aplicadas considerando a data de divulgação dos resultados pelo laboratório;

·         Maior severidade das punições – Uso de medicamentos do Grupo A = suspensão de 01 (um) ano para o animal e para o expositor; medicamentos do Grupo B = suspensão  de 01 (um) ano para o animal e de 06 (seis) meses para o expositor e medicamentos do Grupo C = suspensão de 06 (seis) meses para o animal e advertência ao expositor;

·         Agravo em caso de reincidência – o expositor reincidente receberá a punição de forma que o tempo de suspensão do mesmo seja dobrado, considerando os tempos do enquadramento mais recente. No caso de reincidência no uso de medicamentos do Grupo C, a suspensão será de 06 (seis) meses;

·         Em caso de condomínios, a punição deve ser aplicada a todos os condôminos, caso não haja nenhuma manifestação formal por parte dos condôminos indicando e elegendo o(s) responsável(is) pelas consequências da resolução Antidopagem;

·         Controle rotineiro e aleatório de doping em algumas exposições;

 

EVENTOS

·         Não marcar eventos em cidades com distância mínima de 150 (cento e cinquenta) km quando houver coincidência de datas. Terá preferência o Núcleo ou Associação que primeiro enviar a solicitação para realização do evento ao Setor de Eventos da ABCCMM;

·         Todos os animais inscritos deverão estar registrados na ABCCMM nos livros correspondentes a sua categoria;

·         Não será aceita a inscrição de animais acima de 39 meses (39 meses + 01 dia) que não tenham o número de registro definitivo no sistema da ABCCMM;

·         Animais castrados devem estar inscritos no livro de Castrados;

·         É obrigatório a apresentação da cópia do certificado de registro emitido pela ABCCMM de cada animal no evento no qual for participar;

·         Todos os animais devem ser chipados;

·         A idade mínima para participação em julgamentos será de 14 meses, sendo a mesma tanto para eventos oficializados quanto para a Nacional;

·         Eliminação da idade máxima para participação em julgamentos convencionais;

·         Publicar o catálogo oficial do evento somente após inspeção e conferência de todos os animais efetivamente presentes no recinto de realização do mesmo, com exceção da Exposição Nacional. Não haverá mais a sigla NEP;

·         Uso exclusivo de bridão em animais até 48 meses;

·         Alterar a nomeação da premiação no quesito andamento para: Campeão, Reservado Campeão, 1º prêmio, 2º prêmio, 3º prêmio, 4º prêmio e 5º prêmio;

·         Classificação de até 07 (sete) animais para a fase final nas Copas de Marcha;

·         Trocar o nome do quesito andamento para quesito MARCHA;

·         Julgamento das progênies no início da exposição – divulgação pelo sistema das possíveis progênies, após conferência dos animais no recinto e confecção do catálogo. Os expositores já devem fazer a inscrição prévia;

·         Realização da Prova Funcional da exposição em horário específico, antes do Campeonato da Raça e após o julgamento de todas as categorias, permitindo que todos os concorrentes aos títulos de Campeão e Reservado Campeão de Provas Funcionais façam a prova nas mesmas condições. Somente terão direito a essa disputa os dois primeiros colocados na prova funcional de cada categoria, realizada durante o concurso de marcha;

·         Realização da Prova Funcional exclusivamente durante o Concurso de Marcha, após a montada do árbitro. Os julgamentos de morfologia devem ser feitos nos intervalos entre os julgamentos da Prova Funcional;

·         Abordagem mais técnica da Prova Funcional – remodelagem, início e final na fotocélula, tempo utilizado somente para desempate da mesma;

·         Exigência da padronização dos materiais utilizados na montagem da Prova Funcional pelas empresas organizadoras;

·         Proibição da participação do(a) Campeão(ã) dos(as) Campeões(ãs) de Marcha do CBM de Marcha batida e Marcha picada em eventos oficiais até o início da próxima Nacional. Eles poderão participar da Nacional;

·         Os CBMs (Marcha Batida e Picada) serão realizados sempre no 2º semestre;

·         Aumentar o número de categorias de Castrados na Nacional e também nas exposições especializadas e copas de marcha (05 categorias na Nacional e 03 nas especializadas e copas). Nas especializadas e copas de marcha é necessário o número mínimo de 05 (cinco) animais em cada campeonato;

·         Na ocorrência de três campeonatos de Castrados nas especializadas e Copas de Marcha e de três a cinco campeonatos na Nacional, haverá a disputa do Campeão dos Campeões Cavalo Castrado;

·         Escala de número de animais jovens nas categorias da Nacional – mínimo de 07 (sete) animais e pelo menos 10 (dez) animais em cada categoria (para as exposições especializadas e copas de marcha permanecem os critérios de divisão dos campeonatos e a exigência de pelo menos 05 animais em cada campeonato). Segue abaixo as tabelas de divisão dos campeonatos para as NACIONAIS:

 

Tabela para divisão dos Campeonatos dos Animais Adultos para a Nacional:

Nº de animais

Nº de campeonatos

De 07 a 19

01 categoria

De 20 a 29

02 categorias

De 30 a 39

03 categorias

De 40 a 49

04 categorias

De 50 a 59

05 categorias

De 60 a 69

06 categorias

De 70 a 126

07 categorias

De 127 a 144

08 categorias

De 145 a 162

09 categorias

De 163 a 180

10 categorias

De 181 a 198

11 categorias

De 199 a 216

12 categorias

De 217 a 234

13 categorias

Acima de 234

14 categorias

 

 

Tabela para divisão de Campeonatos dos Animais Jovens para a Nacional:

Nº de animais

Nº de campeonatos

De 07 a 19

01 categoria

De 20 a 29

02 categorias

De 30 a 39

03 categorias

De 40 a 49

04 categorias

De 50 a 59

05 categorias

De 60 a 69

06 categorias

Acima de 69

07 categorias

 

 

Tabela para divisão de Campeonatos dos Cavalos Castrados para a Nacional:

Nº de animais

Nº de campeonatos

De 07 a 19

01 categoria

De 20 a 29

02 categorias

De 30 a 39

03 categorias

De 40 a 49

04 categorias

Acima de 50

05 categorias

 

 

·         Para termos as 07 categorias nas exposições especializadas e copas de marcha, com acréscimo das categorias Graduado e Máster, o número agora será acima de 69 (sessenta e nove) animais e não mais acima de 76 (setenta e seis);

·         Animais inscritos nos julgamentos dos campeonatos convencionais e do Campeonato da Raça devem obrigatoriamente ser apresentados na entrada de pista. Caso haja algum impedimento da participação desses animais, o Laudo específico deve ser assinado pelo técnico e árbitros responsáveis, após exame e avaliação do animal pelos mesmos, certificando o motivo de impedimento da participação;

·         Animal inscrito no convencional que for desclassificado e/ou sair da pista a pedido do apresentador não poderá participar de nenhum outro campeonato;

 

RANKING

·         Confecção de uma tabela constituída de coluna única com pontuação para os 10 primeiros classificados (Campeão, Reservado, 1º prêmio, 2º prêmio, 3º prêmio, 4º prêmio, 5º prêmio, 1ª menção, 2ª menção, 3ª menção) nos campeonatos convencionais, sem considerar o número de animais expostos por expositor;

·         Serão considerados para fins de pontuação, os resultados dos 12 (doze) animais nas exposições especializadas e copas e dos 15 (quinze) animais na Nacional que proporcionarem maior quantidade de pontos ao expositor/criador, independente de ser o mesmo objeto de propriedade única ou de condomínio. Os condomínios somarão pontos de acordo com a sua fração;

·         As pontuações de Progênie e de até 02 (dois) castrados não entram nesse número de 12 ou 15 animais. Somarão pontuação extra;

·         Mesma pontuação para julgamento convencional de jovens e adultos, Concurso de Marcha e campeonatos de Castrados – VER TABELA;

·         Pontuação dos 07 primeiros classificados na marcha – VER TABELA;

·         Maior pontuação para os Campeonatos da Raça e Campeão dos Campeões de Marcha – VER TABELA;

·         Pontuar até o terceiro colocado nos campeonatos da raça, campeão dos campeões de marcha, Marchador Ideal e Provas Funcionais – VER TABELA;

·         Separação do ranking de animais adultos – RANKING SÊNIOR (acima de 39 meses) e animais jovens – RANKING JÚNIOR (de 14 a 36 meses);

·         Criação do RANKING TOTAL, considerando a soma de Ranking Sênior e Ranking Júnior;

·         O fator de multiplicação referente ao número de animais julgados na Exposição Nacional será multiplicado por 1,5. Os fatores de multiplicação referentes ao número de animais julgados em cada evento oficial continuarão sendo aplicados;

·         Considerar a pontuação para criadores/expositores no ranking estadual, levando em conta a sede do haras e não o endereço de associado. Considerar o endereço do Haras cadastrado no SRG;

 

NOVA TABELA OFICIAL DE PONTOS PARA EVENTOS OFICIALIZADOS E RANKING NACIONAL DA RAÇA MANGALARGA MARCHADOR

·        

  Campeonatos Convencionais – Jovens e Adultos

Campeões

20 pontos

Reservados Campeões

17 pontos

1º prêmio

14 pontos

2º prêmio

12 pontos

3º prêmio

10 pontos

4º prêmio

8 pontos

5º prêmio

6 pontos

1ª menção honrosa

4 pontos

2ª menção honrosa

2 pontos

3ª menção honrosa

1 ponto

 

·         Campeonatos de Marcha – Cavalos, Éguas e Castrados (Exposições, Copas de Marcha e CBM)

Campeões

20 pontos

Reservados Campeões

17 pontos

1º prêmio

14 pontos

2º prêmio

12 pontos

3º prêmio

10 pontos

4º prêmio

8 pontos

5º prêmio

6 pontos

 

·         Campeonatos da Raça – Jovens e Adultos, Campeão(ã) dos(as) Campeões(ãs) de Marcha, Campeonato Marchador Ideal e Campeonato de Provas Funcionais

Campeões

20 pontos

Reservados Campeões

17 pontos

1º prêmio

14 pontos

 

·         Concursos de Progênies

Campeões

20 pontos

Reservados Campeões

17 pontos

1º prêmio

14 pontos

2º prêmio

12 pontos

3º prêmio

10 pontos

 

 

OBSERVAÇÕES

 

Para efeito de desempate entre animais a serem considerados como os 12 ou 15 de maior pontuação serão considerados os de maior idade.